AnálisesTextos

Análise: Saints Row : The Third Remastered

Originalmente lançado em 2011 para PlayStation 3, Xbox 360 e PC, Saints Row: The Third volta em 2020 com uma remasterização de respeito: Sains Row: The Third Remastered.
A nova versão chega para PlayStation 4, Xbox One e PC. O Nintendo Switch não recebeu a versão Remaster, mas em 2019 ganhou a SAINTS ROW®: THE THIRD™ – THE FULL PACKAGE, que é a versão original do jogo com todas as DLCs lançadas.
Particularmente conheci a franquia através do jogo de 2011, jogando no Xbox 360. A primeira impressão que tive era que se tratava de uma mera cópia de GTA, afinal, jogo de mundo aberto, com tiroteios, podendo dirigir vários veículos… Porém, ao progredir no game, percebi que a intenção ali era outra. Em GTA, por mais que tenhamos algumas coisas excêntricas e engraçadas, não há como comparar com Saints Row.
Saints Row mescla elementos nonsense, ação desenfreada, zueira, bizarrice, e multiplica tudo por 1.000,  transformando a cidade em um imenso parque de diversões para o jogador, onde o objetivo principal é se divertir. Logo nos primeiros 15 minutos o game mostra que seu foco é na diversão, e que não deve ser levado a sério (no bom sentido!).
A liberdade de personalização é admirável: é possível moldar os atributos físicos da maneira que quiser, passando pelas suas roupas, skins de armas, pinturas de carro, dentre outras coisas.
Saints Row: The Third Remastered traz todas a DLCs lançadas (cerca de 30, entre packs de missões e itens), fazendo com que sua experiência com o game seja completa.

REMASTER DE RESPEITO!

Na geração Xbox One/PlayStation 4 vivemos uma espécie de “era dos remasters”, sendo que nem todos o jogos remasterizados gozam de qualidade. Muitos games simplesmente eram remasterizados com a finalidade de “caçar níquel”. Davam um “maquiada” no jogo, melhorando um pouco a resolução e o desempenho, porém a diferença não se mostrava tão evidente, e muitas vezes nem valia tanto à pena na questão do preço.
O primeiro aspecto que chama atenção no game é o novo sistema de luz  que foi implementado. De acordo com o horário do dia, o visual da cidade se transforma com sombras, reflexos e demais efeitos. Durante a noite a aparência também se destaca, com os letreiros em neon, luzes, esbanjando a beleza de uma cidade grande, ainda mais com a implementação do HDR ao jogo.
Não parou por aí, o jogo recebeu uma mudança visual completa. Foram mais de 4.000 assets atualizados para melhor representação na atual geração de consoles. São novas texturas, modelos e visuais de personagens, carros e armas, gráficos aprimorado, e aumento da resolução de tela.

UMA MELHOR EXPERIÊNCIA DE JOGO

O desempenho do jogo foi também recebeu melhorias. Me recordava que a versão de Xbox 360 sofria constantes quedas de frames em cenas com ação rápida, bem como ocorriam diversos problemas de “screen tearing”. Fiz questão de jogar novamente no Xbox 360 para comparar as experiências, e a versão remasterizada permite uma jogatina sem problemas de desempenho.

Embora a alteração gráfica e o desempenho do jogo tragam uma experiência mais condizente com a geração atual de consoles, não podemos dizer o mesmo sobre a jogabilidade e estrutura do jogo, que permanecem datados de 2011: as missões paralelas, apesar de serem engraçadas, acabam por se tornar repetitivas; dirigir carros é um desafio, pois os comandos aqui não são tão responsivos; e comparado com jogos atuais, a cidade de Stellport parece pequena.

VALE A PENA?

No quesito diversão e ação, com certeza você estará bem servido com Saints Row: The Third Remastered. Os pequenos defeitos não são  suficientes para estragar a experiência de se divertir causando o caos na cidade de Stellport.
Um ponto relevante a se analisar, é a relação custo benefício. Porém, vai depender de qual plataforma você possui, pois estranhamente, os preços variam muito nos consoles.
Na data da publicação desta análise, a versão de Xbox One sai por R$ 77,45. Já a de PlayStation 4 está R$ 164,90, ou seja, mais que o DOBRO! A versão de PC está R$ 74,99, e por enquanto sua venda é exclusiva na EPIC Store.
Assim, para jogadores de Xbox One e PC o jogo traz um bom custo benefício, pois apesar de ser um remaster, as melhorias gráficas (principalmente o novo sistema de iluminação) melhoraram muito a experiência, fazendo dele um dos remasters mais respeitosos já lançado nesta geração. A versão de PlayStation 4 traz o preço como um impeditivo, pois está próximo de muitos dos jogos inéditos lançados recentemente e que estão com preços reduzidos.
Desta forma, Saints Row: The Third Remastered entrega mais do que o esperado para os padrões atuais de remasters. É uma boa pedida para quem é fã da série e está ansioso por um novo jogo da franquia, e para aqueles que não puderam jogar na época de lançamento.
Infelizmente para o público brasileiro, o game, assim como a versão original, não possui legendas e dublagem em PT-BR.

* Este review foi produzido por meio de uma cópia de PlayStation 4 gentilmente cedida pela assessoria de imprensa da Deep Silver no Brasil.

Veredito

Saints Row: The Third Remastered

  • Lançamento: 22/05/2020
  • Desenvolvedora: Volition, Sperasoft
  • Publicadora: Deep Silver
  • Plataformas: PS4, Xbox One e PC
  • Genêro: Ação / Mundo Aberto
Gustavo Vegas
Últimos posts por Gustavo Vegas (exibir todos)